sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Roberto Carlos E O Criança Esperança


Olá súditos!

Hoje, cá estou (James), depois de alguns dias de férias, para reiniciar as postagens semanais do Blog *Roberto Carlos Braga*. Nesse período em que estive ausente (presente apenas no Twitter), abrimos espaço a outros fãs de Roberto Carlos, que também escreveram textos sobre ele. Dia 12 de janeiro, Carlos Marley (CE) falou sobre as canções eróticas da safra de Roberto Carlos. Já no dia 15 de janeiro, foi a vez de Vinícius Faustini (RJ) dar o seu brilho ao blog, falando um pouco sobre a cidade de Cachoeiro do Itapemirim. Conforme havíamos prometido, dia 22 eu estaria de volta. E cá estou para isso !

Em 2009, mais precisamente em abril, iniciamos, junto com Roberto Carlos, a comemoração pelos seus 50 anos de carreira. Roberto, com shows especiais, música inédita e turnê. Nós, com
matérias voltadas, principalmente, para reconstituição da carreira do professor de amor do Brasil, o que denominamos Projeto RC 50 Anos. Temos falado de tudo. Da Jovem Guarda, de shows marcantes, de discos, de momentos profissionais, no exterior, na televisão... Tanto, que tem gente que pensa que nem temos mais do que falar. Triste engano. Quando se trata de Roberto Carlos, sempre se tem assunto ! E o assunto de hoje é o Criança Esperança. Isso mesmo. Roberto esteve presente em vários desses programas, e, nesta matéria, relembraremos as participações dele nas campanhas.

O Criança Esperança surgiu em 1985, como uma campanha da Rede Globo de televisão, para arrecadar fundos com a intenção de apoiar projetos sociais que visassem o desenvolvimento de crianças carentes. De lá pra cá, o Criança Esperança recebeu grandes artistas. Roberto Carlos esteve presente no primeiro programa. E estaria em todos, até 1992. Até esse ano, não temos nenhum registro de Roberto no programa, apenas a informação de que ele compareceu a todos, e um vídeo, exibido no final da edição de 1986, com todos os artistas que participaram naquele ano. É possível ver Reginaldo Rossi, Simone, Erasmo Carlos, e, bem na frente, abraçado a Didi e Dedé, o Rei do Brasil. Ao lado, uma captura do vídeo, que está no Acervo James Lima.

A partir de 1993, os registros são mais abundantes. A partir da edição desse ano, todas as participações do Rei estão contabilizadas no Acervo James Lima. Em 1993, Renato Aragão apresentou o Rei como "o grande amigo de todos", dando a deixa pra ele cantar Amigo. Pôde-se ouvir os primeiros acordes da famosa introdução da canção, e o público vibrando, pela participação dele. Mas o Rei não apareceu... Os acordes vão diminuindo, e Renato Aragão diz: "Vou chamar outra vez. De repente, ele não ouviu, não é? O grande amigo de vocês, Roberto Carlos". Recomeçam os acordes de Amigo, mas nada de Roberto aparecer. Eis que surge uma mocinha de seus 5 anos correndo. Renato pergunta o que houve, e ela: "Tudo eu... Tudo eu... Já que eu sou criança, eu vou lá voando...", e num efeito visual, ela voa até o Atlantic City, nos EUA, onde é exibida uma imagem de Roberto cantando. "Roberto, Roberto.". "Hã?", sai a voz de Roberto. "Vamos. Esqueceu da campanha? Eu vou indo te buscar, hein?". Os acordes recomeçam, e ele entra no palco do Criança Esperança, de mãos dadas com a mocinha que "foi buscar ele nos EUA". Diferentemente de quase todos os outros artistas, Roberto é um dos poucos que canta mesmo a canção, e não apenas dubla, em playback. Depois de Amigo, ele canta Luz Divina, e encerra a participação naquele ano.

Em 1994, ele esteve lá, novamente. Renato Aragão estava no palco, com Dedé Santana e os jogadores da seleção brasileira de 1994, que conquistaram o tetracampeonato mundial. "Já que estamos aqui, com os reis do futebol, eu quero trazer pra vocês, um Rei". O público já começa a vibrar. Ao ser anunciado, Roberto entra, e caminha, rumo ao pedestal. "Não, Roberto. Você não vai cantar agora não!". Ao dizer isso, um grupo de crianças invade o palco, agarrando todos os jogadores presentes, e Roberto e Renato ficam mais afastados, fora do alcance delas, olhando a cena. Algum tempo se passa, e o público começa a gritar: "Roberto ! Roberto !". Alguns jogadores começam a cumprimentar Roberto Carlos, que beija a taça do mundo. Percebe-se um esforço da equipe do programa, para que as crianças fiquem sentadas, na beira do palco. Quando conseguem, Renato diz que vai trazer ao palco, dois representantes da Unicef, que dão dois prêmios ao Rei. Um, pelo reconhecimento do Unicef ao envolvimento dele pela criança, desde 1979. "Você se transformou em amigo da criança, no Brasil e na América Latina." Pôde-se ver a surpresa de Roberto Carlos. "Pra mim?". O outro representante da Unicef, entrega um prêmio pela participação do Roberto no Niño Esperanza, versão do programa no Peru, da qual vamos tratar mais adiante. Depois de receber os prêmios, RC canta Verde E Amarelo, ao lado dos jogadores do tetra, e o Criança Esperança mostra cenas dos jogos da Copa Do Mundo daquele ano. Ao fim da música, as crianças não se controlam e invadem o palco no qual está Roberto Carlos e os campeões do tetra. Entra o intervalo comercial. Quando o programa volta, apenas Roberto Carlos, entrando no palco, para cantar Nossa Senhora. Após essa canção, um agradecimento à seleção brasileira, "pela alegria que eles nos deram". Renato Aragão e Dedé Santana entram no palco. E a cascata de luz, característica do show de RC naquela época, cai, emocionando o público. Renato começa a falar de Mussum, falecido àquele ano, ainda com Roberto no palco. Depois de uma salva de palmas para ele, a edição daquele ano é encerrada.

Em 1995, por compromissos profissionais, Roberto Carlos não pôde estar presente. Contudo, o Criança Esperança fez uma homenagem a ele, em vídeo. E em 1996, ele voltou. "Andando pelo mundo da fantasia, a gente encontra fadas, príncipes, princesas, e, de repente, a gente encontra um rei. Roberto Carlos !" O professor de amor do Brasil entra no palco, trajando um terno azul escuro e uma calça jeans. Na minha sincera e modesta opinião, essa foi a roupa mais bonita que o Roberto usou, no palco, nos anos 90. Essa, e a do especial do mesmo ano. Na apresentação daquele ano, Roberto cantou Quando Eu Quero Falar Com Deus, emendando o finalzinho com o começo de Luz Divina.

Em 1997, o cantor que "nunca falta", e que "é o primeiro a dizer 'presente'" foi apresentado por Renato Aragão, e cantou Comandante Do Seu Coração (fazendo gestos com as mãos, durante o refrão, como se estivesse comandando um navio) e Aleluia. Na foto ao lado, Roberto Carlos beija Renato Aragão, quando entra no palco. O momento, filmado pelas câmeras da Rede Globo, foi capturado pelo nosso repórter (o mais bem informado da América Latina) Rafael Avena (SP).

A presença que era um presente pra o público, como disse Renato Aragão, esteve no programa em 1998, já mais abatido, sofrendo pela doença da esposa, Maria Rita. Ele cantou Nossa Senhora e Jesus Cristo. Agradeceu as ligações e o carinho, e pediu que continuassem colaborando com a campanha. Nossa Senhora teve algumas alterações no arranjo que, na minha modesta opinião, tornaram a canção mais bonita. Como o DVD dessa apresentação consta em nossos arquivos, trouxemos à internet, com exclusividade do Blog RCB, o áudio dessa canção, para que você mesmo forme uma opinião sobre esse arranjo. Para ouvir a canção Nossa Senhora, interpretada por Roberto Carlos no Criança Esperança de 1998, basta clicar no Play.


Em 1999 e 2000, o Rei não participou, por motivos pessoais. Depois de muito tempo sem participar da campanha, ele retornou em 2005, causando uma repercussão enorme nos meios de comunicação. A Rede Globo registrou momentos do ensaio, entrevistou Roberto nos bastidores diversas vezes, e pediu que ele cantasse OITO músicas. Roberto se recusou a cantar tantas canções, uma vez que os outros artistas cantariam apenas uma, ou duas. E ele teria o especial de fim de ano alguns meses depois. Acabou cantando duas. A Volta, que estava fazendo sucesso na novela "América", como tema de Vera e Jatobá, e Como É Grande O Meu Amor Por Você. Algumas reportagens na TV eram só sobre o Rei. Artistas davam entrevistas e, ao invés de falar da campanha ou de suas apresentações, falavam dele. "É um prazer enorme saber que meu camarim é ao lado do dele. O cara é o rei", disse o Júnior, da dupla Sandy e Jr. No vídeo abaixo, você vê uma das reportagens que fizeram na época do Criança Esperança 2005, exibindo cenas do ensaio do maior ídolo de todos os tempos no Brasil.
video
Ainda do programa de 2005, antes de Roberto entrar, Ivete Sangalo estava se apresentando, cantando a canção Se Eu Não Te Amasse Tanto Assim, quando passaram a ser exibidas, no telão, imagens dela cantando a mesma música com o Rei, no especial dele, em dezembro do ano anterior. Ela se emocionou muito. E Roberto agradeceu a homenagem, quando entrou no palco.

Mas não foi só no Brasil que o Rei apoiou a campanha. Também no Peru, o Niño Esperanza sempre reúne muitos artistas do país. E em 1993, Roberto Carlos esteve presente no programa, sendo o primeiro artista a se apresentar. Ele cantou Dime Unas Cosas Bonitas, Mujer Pequeña e Amigo. Ao chegar ao Peru, Roberto concedeu entrevistas no aeroporto, entrevista coletiva, e participou de um programa local, dando uma entrevista de 20 minutos. Ao lado, um registro fotográfico do momento em que ele se apresenta no Niño Esperanza, que consta, em DVD, no Acervo James Lima.

Próxima Matéria
No próximo sábado estaremos de volta, com notícias sobre o embarque de Roberto Carlos no navio Costa Concordia, por causa do Cruzeiro Emoções Em Alto Mar. Atualizaremos este espaço, com notícias, a qualquer hora.

Compre CDs e DVDs de Roberto Carlos !

9 comentários. Clique aqui para comentar!:

Cecilia Mendoza disse...

Hola que tal James...
Que alegría ya estas de vuelta James!!!
excelente reseña de la participacion de tan hermosos eventos de Roberto Carlos
"Criança Esperança" muchas emociones que no sabiamos, que fantastico es
el blog!!!, gracias James y a tu equipo de colaboradores por hacer de este blog
el mejor que existe!!!.
Que la luz divina de Dios los ilumine siempre!!
Un fuerte abrazo lleno de cariño!!!!.

Rosario Mendoza disse...

Amigo James y equipo del blog...
Que gusto James que ya estes de vuelta y con una reseña tan especial del programa "Criança Esperança"con la participación del Rey Roberto Carlos.
y que hermosas fotografías del Rey Roberto Carlos es un gusto verlo en esa causa
tan linda.
Que Dios siga bendiciendo a todos ustedes que hacen posible el blog del Rey Roberto Carlos.
Un saludo afectuoso de:
Rosario Mendoza

terezinha disse...

li,e adorei tudo,amo tudo que fala sobre roberto carlos ,as suas musicas que eu amo . que bom ter esse espaço,que podemos comentar sobre ele,e dizer o quanto eu oamo.beijos de terezinha ,mossoro rn 23 de janeiro 2010

gilda disse...

o roberto recebeu meu telefone ele vai ligar gilda 028 35115539 so uma ligasao realize sonho de cachoeiro

MABEL disse...

james y colaboradores...las notas sobre roberto...muy profundas para quienes queremos saber en detalles sobre su vida...su carita algo triste cuando habla en el video de los niños...yo siempre pienso y pido para que ese dolor por ese gran amor lo halla superado y pueda recordarlo ya desde otro lugar...les dejo un fuerte abrazo y mi agradecimiento de siempre....mabel.pd...ROBERTO SONRRIE SIEMPRE...TODO SE TORNA MAS LINDO.

Everaldo Farias disse...

Zé Jeimis,

Não sei até onde isso de Roberto participar de vários programas é verdade. Acompanho essas participações desde 1991, que você não mencionou:

Naquele ano, Roberto cantou Por ela, sucesso de seu recente disco e A guerra dos meninos. Ele pareceu se emocionar ao cantar esta última, chegando a marejar os olhos. Em 92, lembro que ele não foi.

Em 93 foi uma das mais lindas e era muito emocionante esperar até o último convidado. Também, ao que me consta, antes era em um teatro que acredito ser o Fenix. A partir de 93 ocuparam o Ginásio do Ibirapuera até alguns anos atrás quando começaram a fazer em dois dias e também no Rio.

Amigo, obrigado por seu comentário lá no blog!

Blog Música do Brasil
www.everaldofarias.blogspot.com

Um forte abraço a todos!

Everaldo Farias disse...



me expressei mal na postagem acima: "isso do Roberto participar de todo ano até 93 não sei se procede, justamente por não termos fontes".

Mas, as demais participações foram sim todas verdadeiras e inesquecíveis.

Blog Música do Brasil
www.everaldofarias.blogspot.com

Um forte abraço a todos!

gilda disse...

oi bomdia e tudo lindo voce vai ler o regado tem um trgado importante beijos gilda

Anônimo disse...

OLA QUE BOM O BRAZIL TER ACREDITADO NO PROGETO CRIANÇA ESPERANÇA E EM ESPECIAL COM UM HOMEM TAO ESPECIAL COMO VOCE AMIGO ROBERTO CARLOS,DE PORTUGAL UM GRANDE BEIJO PARA VOCE,E PARA TODAS AS CRIANÇAS BRAZILEIRAS...PAULA CUNHA ALGARVE PORTUGAL.....